CUIABÁ

Legislativo

Indicação pede duplicação da Estrada da Guia

Publicado em

Legislativo


Foto: ANGELO VARELA / ALMT

O deputado estadual Faissal Calil (PV) apresentou, na sessão da última quarta-feira (16), na Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT), a Indicação n 2063/2022 solicitando a duplicação da MT-010, também conhecida como Estrada da Guia. A via, que liga Cuiabá a Rosário Oeste, tem sido palco de vários acidentes fatais.

De acordo com Faissal, a duplicação da via irá, além de gerar mais segurança ao motorista, auxiliar bastante no fluxo do trânsito da região, desafogando pontos de congestionamento. O deputado também destacou que a resolução baixada pela Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra) que proíbe a circulação de caminhões, não é a melhor solução.

“Nossos gestores públicos precisam compreender que, as vezes, o menor caminho não é a melhor saída, mas sim o mais justo. Tempos atrás, a Sinfra baixou uma resolução restringindo o tráfego de transportadoras no local porque na Estrada da Guia tinham vários acidentes, com vidas sendo ceifadas. Nossa proposta é pela duplicação desta estrada, que tem um fluxo imenso de veículos. Ao invés de restringir, deveríamos ter outras soluções e é isso que estou apresentando hoje”, afirmou.

Leia Também:  Thiago Silva destinará emenda para projeto esportivo e Sine de Primavera do Leste

A proposta de indicação foi uma sugestão da advogada e assessora jurídica da Câmara Municipal de Acorizal, Daniele Rocha Rafael Lopes. Para Faissal, a duplicação da via, além dos motoristas, beneficiará também pedestres e ciclistas que trafegam pela região.

Fonte: ALMT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Legislativo

TVAL fará entrevistas com candidatos ao Senado e ao governo de MT

Publicados

em

Foto: JLSIQUEIRA / ALMT

A TV Assembleia, canal 30.1, dá início, nesta terça-feira (16), às gravações de entrevistas com os candidatos ao Senado e ao governo de Mato Grosso. Todos os candidatos registrados para concorrer aos cargos foram convidados a participar, sendo sete ao Senado e quatro ao governo. 

As entrevistas serão conduzidas pelos jornalistas da TVAL Cláudio Oliveira e Narbal Guerreiro e integrarão a grade especial do programa Entrevista Coletiva. Cada uma terá duração de 30 minutos e será feita sem intervalos e sem edição (irá ao ar na íntegra). 

A todos os candidatos será apresentado um total de 13 perguntas, sendo elas iguais para concorrentes ao mesmo cargo. A contagem de tempo de cada entrevista será feita de forma regressiva e os candidatos terão, em média, dois minutos e quinze segundos para responder uma pergunta.

“As perguntas para os candidatos ao Senado e ao governo serão diferentes, levando em consideração a natureza e perfil de cada cargo, no entanto todos que concorrem ao mesmo cargo responderão exatamente aos mesmos questionamentos. As perguntas seguirão um roteiro pré-estabelecido e terão como foco os principais temas de interesse do eleitorado, como saúde, segurança e educação”, explica Cláudio Oliveira.

Leia Também:  Bolsonaristas realizam ato a favor do presidente no dia 1º de maio em Cuiabá

As entrevistas serão veiculadas na TVAL no período de 26 de agosto a 29 de setembro – respeitando a legislação eleitoral -, em seis horários diários de segunda a sexta-feira (6h30, 12h30, 17h, 19h50, 21h e 22h) e em sete horários distintos aos finais de semana, que serão preenchidos em forma de “carrossel de revezamento”.

“Dessa forma, cada candidato terá, no mínimo, 20 inserções até o dia da eleição”, frisa Oliveira.

Conforme o apresentador, a emissora decidiu ouvir todos os postulantes aos cargos – e não somente os candidatos mais bem colocados nas pesquisas – para proporcionar aos eleitores a oportunidade de conhecê-los, bem como as propostas que defendem.

“A preocupação da TVAL é o interesse público. Queremos que as pessoas conheçam quem está concorrendo aos cargos e, por isso, resolvemos ouvir todos. Assim, elas terão informações suficientes para comparar os candidatos e tomar suas decisões”, destaca.

Caso algum candidato não compareça à entrevista, os horários de veiculação serão divididos com aqueles que participarem.

Leia Também:  Ulysses Moraes destina emenda para construção do Hospital Veterinário Público de Sorriso

Fonte: ALMT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

MAIS LIDAS DA SEMANA